10 abril 2017

O amor realmente sofre



O amor realmente sofre quando é ignorado e não correspondido e ninguém quer se ferir. Quando o único a sentir é você. Sofre quando você entrega, parte de sua vida para alguém, e mesmo assim não recebe um pouco de amor de volta.
Sofre quando você cria planos com alguém, mas percebe que  ela não se importa com eles da mesma maneira que você se importa. Agente cria um cenário vai dormir planejando um amor para toda vida, e acorda acreditando que apesar de estar sofrendo algo bom pode acontecer. Agente insiste em acreditar que uma hora aquela pessoa vai se da conta que o amor que você sente por ela, é algo para ser bem recebido e  não para  ser jogado fora. E não é mesmo! Mesmo que o amor faça sofrer, você não o  encontra em qualquer esquina. Mesmo que não seja correspondido, só de senti-lo você é privilegiado. Tem muita gente falando de amor e pouca gente sabendo amar. O amor não é um mar de rosas, e muito menos, só se é amor se for correspondido.
Amor para ser amor mesmo que sofrendo, insiste em amar. Amar está além de dar e receber ele apenas doa, mesmo que não seja compreendido. O amor não é algo que você dá para receber, mas ele por si só  basta! Entretanto se você deseja se tornar parecido com Jesus, terá que crescer acostumado com o sofrimento causado pelo amor. Jesus nos ensinou que  o amor não é expresso até que um  sacrifício seja feito. Todo nosso esforço para evitar o sofrimento  é em vão, pois todas as pessoas em todos os estágios da vida sofrem de alguma maneira. Entretanto a demonstração de amor é benéfico, independentemente dos resultados externos. Nem um sofrimento ou decepção será capaz de diminuir o amor. Portando ame, o sofrimento do amor abre caminho para a alegria do amor, que leva embora  a dor faz com a pessoa que ama experimente alegria e paz. O amor sofre mas também é forte.
Share with the world:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Designed by Beautifully Chaotic