06 julho 2017

Quando acaba


Quando acaba. Esperamos que seja apenas uma fase, um momento ruim, um breve desgaste. Os olhos não querem enxergar, o coração demora aceitar.
Quando acaba. O olhar fica distante, a admiração já foi embora, o diálogo se torna escasso, o contato vai sendo afastado, o beijo fica gelado, a mão já não procura a outra. Os planos para o futuro viram passado.

Quando acaba. Os abraços ficam  mecânicos, o bom dia é motivo pra briga, a voz irrita, o silêncio incomoda, os sorriso a dois se tornam em cara fechada, os momentos de carinho se se tornam em grandes tensão. A mágoa se transforma em munição na hora da discussão.

Quando acaba. O inteiro se transforma em metade, o que é dito se torna incompreensível, a paciência encurta, o interesse já não existe. As alternativas vão vendo analisadas, a verdade vai sendo adiada, o amor já não é mais o centro das atenções.

O desfecho todo mundo já sabe, é o arremate de uma história que terminou, sem nossa concordância, mas que precisa também sair de dentro da gente, porque já acabou.
 
Designed by Beautifully Chaotic